Compartilhe:

Você conhece seus talentos? Sabe naquilo que de fato é bom?  É capaz de uma analise genuína a esse respeito?

Sabe- se que a principal origem de nossos problemas está na incapacidade de  amar-se como se deve. A autora mundialmente conhecida por seus livros nessa temática, Louise Hay , identifica  que amar- se e aceitar-se são as bases de uma vida saudável e equilibrada.

O problema é que por mais que pareçamos íntimos de nós mesmos poucas são as pessoas que se conhecem  intimamente a ponto de reconhecer seus talentos e características mais marcantes. Concorda ou discorda? É capaz de enumerar quantos talentos acerca de voce mesmo?

Se a missão parece difícil, aqui vão algumas questões que podem ajuda-lo a elucidar o tema:

1) As pessoas me procuram em quais circunstâncias?

2) Por que elas me procuram nessas ocasiões?

3) Nas atividades em que já obtive sucesso ou reconhecimento, qual foi a minha atitude que determinou este resultado?

4) Como me comporto em situações adversas?

5)  O que gosto de fazer nas horas vagas e por que?

6) Se eu  fosse um produto, qual  seria a minha função principal?

7) Quais os valores que mais prezo?

8) Como são as pessoas que admiro?

A partir daí, voce conseguirá se aproximar pelo menos um pouco de seus maiores dons e características e isto serve principalmente para aprendermos a utilizar nossas potencialidades a nosso favor e principalmente para lembrarmos delas nas adversidades que a vida sempre nos apresenta.

Identificar nossas características positivas é uma maneira linda de amar – se cada dia mais e adotar uma postura mais generosa e amorosa consigo mesmo, para  daí ser cada vez mais gentil com os outros.

Descobrir nossos talentos pode ainda ser importante para aprimorar nossas dificuldades e nos tornamos melhores a cada dia. O processo de Coaching serve, entre outras coisas,  para ajuda-lo a descobrir suas potencialidades e resolver  de fato, o que precisa ser aprimorado dia a dia.

Um abraço

Leticia Rodrigues


Compartilhe: