O futuro do trabalho pós pandemia

O futuro do trabalho pós pandemia

 Como será o futuro do trabalho no mundo pós pandemia?

A pandemia pelo novo corona vírus trouxe mudanças inimagináveis para o mundo atual. A falta de previsibilidade desta pandemia e a nossa completa dificuldade em lidar com a mesma, mostram que por mais que tenhamos evoluído muito em termos de tecnologia, necessitamos aprimorar com urgência nossa empatia.

Esse parece ser o recado que o novo vírus nos trouxe: não basta  cuidarmos apenas  de nossa família, é necessário cuidarmos de todos. A máscara não protege somente os meus, mas evita que eu contamine também aos outros e  vice versa.

O fato é que  limite entre o público e privado ficou mais estreito: as reuniões ocorrem na sala, com as crianças brincando. estamos mais próximos e expostos. O limite entre vida privada e pública, parece ter se confundido.

O resultado é um mix de emoções a flor da pele que levam tempo para serem sentidas, reconhecidas e reorganizadas. Assim, precisamos de muita paciência para nos adaptarmos . E preciso ser flexível consigo e com os outros.

Mas e o futuro? Como será?

A resposta para essa pergunta é: não sabemos tudo. Mas sabemos certamente que o mundo já mudou. e dificilmente voltará ao que era antes. As empresas perceberam que  agora podem tocar operações com funcionários dentro de suas casas. Os funcionários, perceberam que são produtivos mesmo não estando fisicamente nas empresas. O digital passa a ser a praça dominante. Quem está fora do digital, está ameaçado.

Muitas empresas irão quebrar . Outras encontrarão caminhos alternativos para operar. Muitos perderão seus empregos. Outros por sua vez, encontrão caminhos alternativos para continuarem existindo nessa nova realidade.

O   impacto na economia ser á imenso e  a recuperação , certamente não será rápida. Assim, os recursos se tornarão mais escassos e como ocorre em toda a escassez as pessoas destinarão ser recursos somente para o necessário.

E o que é o necessário? O necessário é diferente para cada um de nós .

Mas necessário é aquele que eu reconheço como sendo primordial e importante em minha vida ou importante para o bem estar daqueles que amo. Daí o necessário pode ser muito abrangente: fazer exercícios, é necessário? Ir ao cabeleireiro é necessário? E ir ao medico?  Ir a um restaurante é necessário? Para cada um de nós, dentro de nossa realidade, as respostas para essas perguntas são muito diferentes.

As empresas e os negócios que sobreviverão serão aqueles que se fizerem necessários. E em um mundo tão competitivo como esse, o grande diferencial será daqueles que são adaptáveis, empáticos e cooperativo cooperativos. Esses serão os necessários.

E aqui fica a minha reflexão para você:

Você tem se tornado importante para as pessoas a sua volta? Você coopera com sua família? Você  contribui positivamente com seu time, com seus liderados, com seus clientes e colegas ou só aparece quando precisa deles?

Você estimula, engaja, elogia , coopera ? Você presta atenção no que é importante para as pessoas que estão a sua volta ou está mais atento somente ao que é importante para você?

Mais do que nunca, essa mudança forçada, deixou claro que que as pessoas que contribuem de modo positivo com o todo, tendem a colher mais benefícios no futuro.

Se você tive jogo de cintura suficiente para se adaptar as mudanças e se fazer necessário em um cenário de escassez, você terá seu espaço garantido.

O futuro chegou! E com ele o recado que parece  ser muito claro: Coloque seus talentos a disposição dos outros . Conte comigo nessa jornada para entender seu propósito, seus talentos e formas de se diferenciar.

Um grande abraço

Letícia Rodrigues

10 Dicas para turbinar sua Autoestima

10 Dicas para turbinar sua Autoestima

Queridos,

Voce gostaria de conhecer dez dicas muito poderosas para turbinar sua autoestima?

Esse post partiu de uma live realizada em 14 de abril, 1 mês de isolamento social oficial e uma época muio desafiadora para todos nós.

O resultado dessa live foi muito positivo e por essa razão resolvi colocar as dez dicas aqui também já que, autoestima é algo que precisa estar sempre em dia e creio que esse post pode beneficiar muita gente.

Assim, vamos de forma objetiva e direta mapear essas dez dicas para turbinar sua autoestima:

  1. Pense em suas paixões: Sabe aquilo que você realmente ama fazer e que cada vez que você faz te deixa energizado? Ou ainda, caso dinheiro não fosse problema , o que você faria para sempre? O ideal é que você consiga incluir na sua rotina mais dessa atividade. mesmo que seja somente  aos finais de semana. Você se sentirá feliz e realizado.

      2. Você já pensou em fazer a sua própria Sala de Troféus? Isso mesmo, coloque suas conquistas                      pessoais ou profissionais, desafios  que superou, fases de grande crescimento pessoal e aprecie o seu caminho ! Você certamente já conquistou muito e merece os parabéns por tudo isso.

     3.Nunca , jamais se compare a alguém: seu caminho é único e intransferível rsrsrs… Sabemos muito pouco realmente da vida de outras pessoas e isso já é razão suficiente para você nem tentar fazer isso.    Compare unicamente a sua evolução pessoal, isto é seu passado, com o presente. O resto é apenas sabotagem

             4. Aproveitando o gancho: Não tenha como parâmetro o que você vê ou ouve em redes sociais .  O Facebook, Instagram são apenas vitrines e o que vemos é uma porção reduzida da vida de alguém: A porção escolhida a dedo para ser mostrada. Não é vida real, especialmente se o que você vê são posts de famosos, que ganham muito dinheiro para promover produtos e serviços demostrados em seu lifestyle.

5.Saiba dizer não: Impor seus imites é uma forma de se auto- respeitar e de se amar muito. Você não precisa dizer sim sempre, especialmente para o que não concorda, não quer ou não gosta. Respeite a pessoa mais importante da sua vida: você.

6. Não se cobre tanto: O excesso de criticas e de cobranças também é uma forma de se auto-sabotar. Toda vez que ficar remoendo algum assunto, pense de forma racional: Eu poderia ter feito melhor realmente ou fiz o melhor e não foi o suficiente? Em qualquer das hipóteses, use a experiencia a seu favor e aprenda com ela. O autoflagelo é inútil e cruel. Abra mão dele.

7. Questione suas crenças: Se não foi possível eliminar de vez a autocrítica, peça para alguém gabaritado ou alguém que tenha experiencia real no assunto para opinar de fora. Veja como pode transformar fracassos em resultados . Questione as crenças que só servem para te paralisar ou te deprimir ainda mais.

8. Conheça seus sentimentos: Sempre enfatizo a importância de se autoconhecer e fazer seu próprio diário emocional. Preste atenção aos seus sentimentos e valorize a existência deles. Tristeza, alegria, raiva, são emoções que fazem parte da nossa experiencia enquanto humanos. Não ignore isso. Use a seu favor para atingir seus objetivos.

9.Valorize suas necessidades: todos nós temos necessidade de nos sentir, amados, respeitados, acolhidos e reconhecidos. Aprenda a reconhecer o que precisa e se satisfazer.

10. Esteja em paz com seus erros: Errar e acertar são as duas faces da mesma moeda: quem está tentando fazer algo, sempre estará errando ou acertando. Não desanime, Errar faz parte… continue em frente, cada vez melhor

E você? O que  achou dessas dicas?  Deixe seu comentário abaixo !

Se autoconhecer é o melhor investimento que você poderá fazer por você mesmo!!! Conte comigo em sua jornada!

D

Um grande beijo

Letícia Rodrigues

Se toda motivação vem de dentro, como posso motivar meu time?

Se toda motivação vem de dentro, como posso motivar meu time?

Já  que toda motivação é automotivada, o que você acharia da possibilidade de conhecer técnicas para elevar o moral de seu time, levando-o a alta performance?

A motivação desempenha um papel crucial para atingir objetivos e elevar a performance de seu time. Colaboradores motivados são muito mais proativos, engajados e criativos. Um time formado por profissionais motivados apresenta um moral elevado.

A moral de um time, pode ser compreendida como a percepção que temos sobre o trabalho, o time e a empresa. O moral está elevado quando o orgulho, as conquistas e a vontade de trabalhar nessa empresa estão presentes. Quanto mais moral, mais motivação, logo, um trabalho bem feito poderá ser esperado.

Mas o que é exatamente a motivação? A motivação é um processo interno que sustenta e direciona cada indivíduo para atingir um determinado objetivo. Pode ser compreendida como a ” Força pessoal que influencia o comportamento “.

Dessa forma, fica fácil compreender os indicadores de um time que é motivado: Quando os resultados são atingidos  e a produtividade e desempenho estão em alta.   Ao passo que  a existência de conflitos recorrentes, bem como metas e prazos não atingidos e qualidade do trabalho insatisfatória, são por sua vez, fatores que podem evidenciar  desmotivação.

O ciclo da desmotivação se torna vicioso, quando diante desse cenário,  nenhuma mudança acontece. Os resultados insatisfatórios, tornam o time ainda mais frustrado e apático, com sua moral cada vez mais baixa.

Mais e na prática, como podemos de fato Motivar um time?

O especialista no assunto, David Sirota (O funcionário entusiasmado) elencou três fatores fundamentais para motivação. São eles:

1. Alinhamento de Objetivos

É fundamental que os objetivos da empresa e dos funcionários estejam alinhados e que isto seja claramente comunicado e entendido por todos.

      2. Necessidades

Os funcionários possuem necessidades que devem sim serem atendidas pela empresa. Isso inclui necessidades físicas e psicológicas tais como:

  • Segurança no trabalho e ambiente saudável (respeito e consideração)
  • Rotina que possibilite vida profissional e pessoal
  • Relação de trabalho onde haja genuíno Interesse por todos

3. Entusiasmo: Importante vantagem competitiva

  • Equidade e tratamento justo: pessoas esperam que sus diversas necessidades sejam atendidas e quando são tratadas com justiça
  • Feedbacks constantes 
  • Bônus e prêmios de acordo com a performance
  • Plano de carreira
  • Remuneração justa
  •  Atividade que gerem oportunidade de crescimento, ofereça oportunidades e desafios
  • Invista em desenvolvimento
  • Recursos adequados para o trabalho
  • Visão missão e valores, com padrões claros para compreender esses objetivos e formas de atingi-lo
  • Incentive o companheirismo, e o ambiente de trabalho saudável

Dicas

Enquanto líder é esperado que você represente os propósitos de sua empresa e também defenda seu time. Mostre para os colaboradores:

Confiança: Mostre para sua equipe que você confia nela. Isso faz com que a equipe cresça de acordo com seus desafios

Aprendizado: Faca de cada erro uma oportunidade de aprendizado, estimulando os membros a ofertarem soluções

Inteligência Emocional: Gerencia suas emoções para que você jamais exploda no trabalho , motive seu time e se relacione de modo assertivo com todos

Clareza: Mostre as direções  de forma objetiva e  esclareça sobre os indicadores de avaliação e desempenho. Remunere de forma justa e imparcial.

Faça sua autovaliação!

  • Dentro desses parâmetros, como você acredita que contribui para a motivação de seu time?
  • De que forma você pode melhorar sua s habilidades de gestão?
  • Se achar conveniente, peca para que sua equipe te avalie de forma anonima, enfatizando os pontos de acerto e de melhoria

Conte comigo nessa jornada!

Um abraço

Letícia Rodrigues

 

Características do líder que faz acontecer

Características do líder que faz acontecer

 

O sucesso de um  time está diretamente ligado a uma excelente liderança. O time e o líder se apoiam mutuamente em prol de um objetivo comum.  Mais resultados, mais produtividade e  menos estresse,  isso sinaliza uma liderança de sucesso. 

Um grande líder é capaz de inspirar as  pessoas. O sucesso de um líder é medido através do sucesso de seu time.  Para isso , o líder deve:

  • Ter valores e objetivos claros, comunicação aberta e visão sistêmica
  •  Inspirar a confiança e cooperação entre membros assim   como a  resiliência
  •  Colocar as Idéias em pratica, transformando-as em ações efetivas.

 O Líder deve reunir em si os chamados três C s:

  • Capaz: Ter as habilidades necessárias para exercitar sua função e obter o trabalho de seu time.
  • Criativo: Estar aberto para ouvir e executar as   novas ideias com o objetivo de   desenvolver as  melhorias nos produtos e serviços. Encorajar a  superação das adversidades através da colocação de  metas desafiadoras.
  • Comprometido: Com a  empresa ( através de resultados acima da média, garantindo sustentabilidade, gerenciando pessoas e recursos, alinhando objetivos e time ) com seu time ( criando metas desafiadoras, monitorando a realização das atividades, dando  e recebendo feedbacks, oferecendo oportunidades justas e imparciais), e com cada membro individualmente ( reconhecendo méritos, entendendo necessidades, conhecendo forças e talentos, combinado talentos e funções, pensando no desenvolvimento individual de cada membro).

Técnica: Como exercer uma liderança assertiva?

  1. Monitore o trabalho, oferecendo apoio, valorize soluções e ofereça feedbacks. Reestruture planos e papéis para atingir objetivos
  2. Valide ações ou decisões de cada membro, socialize e demonstre interesse pelas pessoas
  3. Reconheça méritos, tanto da equipe, quanto individuais. Estabeleça os indicadores para cada membro e para o time. Deixe muito claro esses objetivos
  4. Considere ideias do outros. Ouça mais. Delegue sempre que possível.
  5. Una  a equipe em momentos difíceis, promovendo uma convivência assertiva, desenvolvendo CNV ( comunicação não violenta ) , trabalhando na resolução de conflitos,  trazendo sempre a visão e objetivos comuns.
  6. Seja franco  e direto, mas exerça a liderança de forma assertiva, sempre sendo um  exemplo  de inteligencia emocional  e mantenha o autocontrole

Como se autoavaliar nesse processo?

Pense e escreva:

Quem é um modelo para você de liderança? Como essa pessoa é? Como posso me tornar parecido? Como você se autoavalia dentre os  6 quesitos apresentados no item acima?

A partir daí é possível avaliar esses pontos em escores de 0 a 5. Os mais baixos até 3 devem ser vistos como pontos de desenvolvimento e melhoria. Os 4 e 5 são considerados como forças e você pode utiliza-los de forma mais efetiva ainda para continuar alcançando seus objetivos.

  Já os  pontos de melhoria  podem ser desenvolvidos através de cursos específicos, Coaching ou leituras especializadas. Refaça esse assesment após três meses e reveja o que mudou. Essas perguntas podem auxilia-la conseguir atingir seus objetivos com muito mais foco e direcionamento.

Conte comigo nessa jornada ! Um abraço

Letícia Rodrigues

 

Em que fase seu time se encontra para deixa-lo mais produtivo?

Em que fase seu time se encontra para deixa-lo mais produtivo?

Como fazer para que seu time foque em resultados, tornando-se mais elevados em relação a sua produtividade e performance e  aumentando o ROI? Primeiramente é preciso diferenciar dois conceitos importantes:

  • Construir um time:  Trata-se de reunir pessoas capazes de executar determinada tarefa
  • Desenvolver um time: Fazer com que estas pessoas trabalhem juntas e  em alta performance

Para tanto é preciso compreender em que estágio seu  time se encontra. Segundo Bruce Tuckamn, criador da teoria dos estágios de time, conhecer essas etapas é fundamental para entender o momento atual de cada time e para onde vão. O modelo de Tuckmann foi confirmado em diversos estudos e é utilizado universalmente como referência no assunto. De acordo com o autor, os times passam basicamente por cinco etapas:

1.Formação ( Forming): Nessa etapa ,  os membros do time demonstram  vontade de participar e  muito entusiasmo. Todos querem encontrar seu lugar e se mostram dessa foma ansiosos e com vontade de mostrar serviço, apesar de ainda estrem muito dependentes do líder para que digam o que deve ser feito.

O líder deve: EXPLICAR ( muita motivação, baixa habilidade nas tarefas)

  • Definir metas alcançáveis de curto prazo
  • Esclarecer papéis, tarefas e propósitos
  • Dar feedbacks e explicar como serão avaliados
  • Encorajar a equipe

2.Tempestade ( storming): Nessa etapa, mesmo com uma boa liderança, aparecem conflitos e questionamentos, graças as diferentes personalidades

O time:

  • Testa limites
  • Busca questionar a autoridade do líder
  • Reage de modo reativo a feedbacks
  • Coloca seus objetivos pessoais, acima dos do time
  • Caso superem essa etapa, sairão mais maduros e fortes. Do contrário, pode ocorrer a desintegração

O líder deve DEMONSTRAR o que precisa ser feito ( há baixo entusiasmo e  baixa motivação da equipe e poucas habilidades nas tarefas)

  • Dar feedback e pedir solução
  • Liderança honesta, firme e não reativa
  • Praticar técnicas de resolução de conflitos
  • Enfatizar objetivos comuns e propósitos da equipe

Reflita

  • Seu estilo de comunicação favorece a troca, a comunicação e os relacionamentos?
  • Como ? Cite três características que definem isso 

    3.Normalização (Norming):Nessa etapa, as regras estão definidas e o grupo volta a se preocupar com metas de resultados.

  • Os feedbacks são bem-vindos
  • Há harmonia e confiança

O líder deve GUIAR (orientar )( motivação e entusiasmos crescentes, assim como as habilidades para tarefas)

  • Gerar metas maiores
  • Dar feedbacks assertivos
  • Valorizar e encorajar, sem medo que ocorra tempestade

    4. Performance (Performing) :É  a maturidade do time. Onde as metas são superadas, e a equipe chega em seu máximo pico de produtividade. Existe coesão, espirito de equipe.

O risco é que haja desmotivação, caso não haja desafios maiores

O líder deve HABILITAR ( capacidade e motivação da equipe são altas )

  • Motivar o time
  • Compreender esse momento e canalizas energias
  • Remunere, reconheça metas
  • De mais autonomia e responsabilidades
  • Encoraje a criatividade e pro atividade

    5. Encerramento ( adjourning): Etapa onde ocorre o fim de um projeto ou jornada. Pode ocorrer sensação de perda, vazio ou falta de objetivos

O líder deve:

  • Encerrar gradualmente as reuniões
  • Encorajar o crescimento individual e novas jornadas

A conclusão leva a crer que um time se desenvolve quando resolve questões:

  • Relacionamento colaborativos
  • Foco nas tarefas

 

Como voce define cada um dos conceitos a seguir:

  • Guiar: mostrar o que deve ser feito, apenas orientando
  • Habilitar: solicitar o que deve ser feito, deixando a solução aberta
  • Demonstrar: mostrar como fazer, fazer junto, mostrar evidencias de realização
  • Explicar: pedir o que deve ser feito e acompanhar, ensinar como fazer

Você consegue definir em que momento seu time se encontra?  Consegue pensar em ações possíveis para leva-lo a alta performance?

Gostou do conteúdo? Deixe seu comentário…;

Um abraço

Letícia Rodrigues

Como ter um time de Sucesso

Como ter um time de Sucesso

Os times de sucesso são aqueles que operam em alta performance e graças a sua excelência, produzem resultados extraordinários. Grandes times redefinem a noção de sucesso, atingem novos patamares de sucesso, maximizam  investimento da empresa e impactam positivamente no lucro.

Como funcionam times de alta performance?

Para que o time  alcance resultados extraordinários, pensar fora da caixa é fundamental. A característica principal desses times é que os membros de sua  equipe, fazem mais do que é esperado deles.

O foco principal de uma tarefa não é apenas finaliza-la, mas pensar em todas as etapas com objetivo de atingir a excelência. Logo a inovação é característica fundamental deses times.

Lembrando que a inovação não é apenas entregar a solução de modo mais rápido, com viés tecnológico, mas pensando sempre no cliente final, naquele que de fato utilizará meu serviço ou produto.

Aqui cabe algumas perguntas espalhadas pelo texto para você se auto-avaliar:

  • Como posso oferecer uma experiencia realmente especial para meu cliente? É aqui que entra a motivação e a vontade de sair da zona de conforto.
  • Como posso elevar minha performance em 20%? Uma pequena meta, que pode ter resultados importantes

Energia positiva impacta no sucesso dos times

Estudos demonstraram que a positividade tem um impacto significativo nos membros de um time,  além do impacto já conhecido na performance pessoal. Uma expressão de raiva é suficiente para estressar alguém. Voce está consciente da energia que emite?

Em times de resultados  superiores temos em me´dia apenas uma afirmação negativa em cada três afirmações  positivas.

  • Voce contribui para elevar a media de afirmações positivas de seu time ou é aquele que reclama mais de tudo?

Note a   importância de cuidar da energia que você emite e só é possível realizar isso, trabalhando em #autoconhecimento e #desenvolvimento pessoal

Times de sucesso, são ainda mais resilientes pois conseguem passar por situações dificeis e encaram o estresse de modo positivo.

Como engajar seu time ( sendo você gestor ou membro da equipe)?

  1. Aprecie e valorize seu time: extraia o melhor de cada um
  2. Identifique e reforce a forças e deixe que que cada um utilize seus talentos
  3. Troca de opiniões, conflitos assertivos são importantes
  4. Tenha uma comunicação aberta e assertiva
  • Você sabe quais são  suas forças?     

Responda as perguntas e pense a respeito. Trace pequenas metas de ação e perceba mudanças significativas em sua vida e eme seu ambiente.

Conte comigo para ajuda-lo !

Um abraço

Letícia Rodrigues